Se tens o hábito de ouvir música no YouTube poderás contar com muitos mais anúncios.

O YouTube está prestes lançar um serviço pago de streaming de música. Ainda sem confirmação oficial “Remix” chegará este ano e será um concorrente direto do Spotify e do Apple Music, que juntos já ultrapassaram a marca dos 400 milhões de utilizadores.

A questão é: se o YouTube já oferece videoclipes de forma gratuita, o que poderá convencer os utilizadores a comprarem uma assinatura? O volume de anúncios. Segundo Lyor Cohen, Diretor Global de Música do YouTube, o número de anúncios vai aumentar significativamente para quem ouve música no YouTube.

Supostamente o YouTube vai “frustrar e seduzir” utilizadores para se tornarem assinantes, e assim silenciar o “barulho” sobre o suposto dano que a plataforma causa à indústria fonográfica. Vamos só recordar que em 2017, O YouTube gerou uma receita estimada em 10 mil milhões de dólares valor quase todo proveniente da publicidade, algo que poderá aumentar este ano devido às tais assinaturas.

Equipa

Deixar uma resposta