Funk Wav Bounces Vol.1: Calvin Harris, o DJ que deixou de ser piroso e passou a ser a banda sonora do meu verão. Por: Conguito

Quando ouvia o nome Calvin Harris, automaticamente, o meu cérebro classificava como música de “bosta”. Desculpem, é apenas a minha opinião pessoal (Podes sempre clicar naquele x, ali ao canto), mas desde que comecei a trabalhar na rádio, fui “obrigado” a ouvir muito mais música pop e perceber toda a sua produção, ou seja, estou a descodificar o que é preciso de ter uma música para tocar na rádio (mas isso é assunto para daqui a dois anos, quando acabar ao certo essa matéria).

Calvin Harris não é um dos artistas mais tocados neste verão mas foi o que mais se destacou na minha cabeça, nos últimos meses. Primeiro, porque lança o tema “Slide”, com a participação especial de Frank Ocean e os Migos, e aí já se nota o distanciamento da música para tudo o que DJ/Produtor nos tem apresentado nos últimos anos. Segundo, porque a faixa “Heatstroke” é exatamente a música que quero ouvir quando estou a caminho do Algarve (pelas estradas nacionais claro), com mais bagagem do que amigos, dentro do meu Volkswagen Polo. Estes dois motivos, dão-me curiosidade suficiente para abrir o Spotify e ouvir “Funk Wave Bounces Vol.1”.

Wow! Álbum pequeno, composto apenas por dez músicas, muitos convidados e muita música boa. “Quando é bom, tem de se dizer”. Tenho de destacar “Hard to Love“, claramente a minha música favorita, no disco inteiro, uma música que fala sobre a dificuldade de um relacionamento superficial onde a voz da convidada Jessie Reyez funde-se na perfeição com um instrumental magnífico, super simples, criado por pouco mais de uma linha de guitarra composta por 6 acordes. Há outros temas muito bem conseguidos, para além dos já referidos: “Rollin”, “Feels” e “Cash Out” também merecem atenção.

Em termos de concepções finais. É engraçado perceber o posicionamento de Calvin Harris com este disco. Claramente, quer cimentar-se no mundo da música como um produtor musical e fugir à nomenclatura DJ, “estragada” por muitos colegas de profissão nos últimos anos. Seja como for, é um disco bastante bem conhecido e que o faz deixar de ser piroso e passar a ser a banda sonora do meu verão 2017. Se é para continuar assim ou não? Não sei, vamos esperar pelo Vol.2 para ver.

Não me vou alongar muito mais, ouve o disco e tiras as tuas conclusões.

https://open.spotify.com/album/2HaqChIDc5go3qxVunBDK0

Álbum: Calvin Harris – “Funk Wav Bounces Vol.1”;
Classificação: 8.3/10;
Lançamento: Junho de 2017;
Crítica por: Conguito (Fábio Lopes);

Equipa

Deixar uma resposta