“Deixem O João Falar” – “Quem é vivo sempre aparece!”

Compton1

Após 16 anos de ausência, o Doutor voltou! E que regresso! Todos os amantes de música se começavam a queixar das suas maleitas, eram 16 anos sem alguém que os tratasse….E quando ele regressa, consigo trás todo o alarido que só uma figura como o próprio consegue fazer. É apenas uma das figuras mais respeitadas de toda a história do Hip Hop,um dos melhores produtores de sempre, responsável pelo aparecimento de alguns dos melhores rappers de sempre. Será que tudo isto, juntamente com 16 anos de ausência não é suficiente para todo o protagonismo dado a este senhor da música? Acho que ninguém tem qualquer dúvida acerca disso.

O seu álbum de regresso é Compton: A soundtrack by Dr.Dre e será a banda sonora de Straight Outta Compton filme que retratará a história dos N.W.A, grupo constituído por Eazy E,Dr.Dre,Ice Cube,Dj Yella,MC Ren,Arabian Prince,Krazy Dee e Candy Man.

Mas o que interessa aqui é o regresso ao estúdio de Dr.Dre para fazer mais uma obra de arte, e com 16 anos de ausência, tem que ser esse o tema principal do texto desta semana.Com meia centena de anos em cima,Dr.Dre decide recompensar todos os fãs pela espera e decide brindar-nos com um álbum de 16 músicas, como se cada música representasse cada ano de ausência, e apesar de nunca se ter afastado completamente da música, parece que nunca parou de lançar álbuns tal é a qualidade e o enquadramento do seu novo trabalho no mercado musical e nos projetos que têm surgido nos últimos tempos respetivamente ao Hip Hop.Se estás à espera de um álbum com toda aquela sonoridade West Coast que Dre nos habituou, sairás com as expectativas defraudadas, se estás à espera de um álbum moderno, com uma diversidade musical incrível, com participações “absurdas” de rappers como Snoop Dogg,Kendrick Lamar,Eminem ou Xzibit,apresento-te Compton.

Primeiramente o que me impressiona mais é a leitura do mercado por parte de Dre,conseguindo conciliar qualidade musical e diversidade, e criando um álbum que pode ser ouvido não só pelos amantes de Hip Hop Old School mas também ouvintes de Hip Hop mais recente. Sugiro que o álbum seja ouvido mais de que uma vez, se possível nas melhores colunas que arranjarem, depois de o fazerem vão perceber a razão da minha sugestão. Cada vez que ouvirem o álbum vão reparar em coisas diferentes, em pormenores que se calhar anteriormente não tinham conseguindo atingir. Todos sabemos o talento natural de Dr.Dre em produzir beats que são ridiculamente perfeitos, quando com isso conjuga o seu próprio talento como rapper (apesar de todas as polémicas em relação ás letras),o talento de Kendrick Lamar que se afirma cada vez mais como um dos melhores rappers da história, promove o regresso de Snoop Dogg ao auge (Onde estiveste tu DoggyDogg?),assim como Eminem (Impressionante a capacidade deste senhor, quando rodeado de quem sabe),BJ the Chicago Kid (Cada vez mais uma certeza no mundo do Hip Hop),ou “meninos” como Xzibit ou Ice Cube dando o toque Old School que tanto saudamos, assim como nomes como The Game ou Jon Connors,é impossível não termos um álbum incrível, que nos faz ouvi-lo até à exaustão.

Apesar de tudo, vivemos tempos diferentes, estamos modernos, todos achamos que percebemos de todos os assuntos, e tenho ouvido diversas opiniões sobre este álbum, algumas delas que me deixam chocado. Tudo aquilo que escrevo, é a minha opinião sincera, para com vocês. É a minha responsabilidade! Mas apesar de tudo não me considero um entendido no assunto,longe disso, talvez muitas das coisas que digo para alguns não tenham qualquer tipo de cabimento.Aceito.Mas por favor peço-vos uma coisa, não critiquem apenas por criticar, uma grande parte da responsabilidade dos períodos menos áureos na música que temos vivido é nossa, nós que criticamos tudo o que vemos. Como poderíamos pedir a Dre um álbum Old School se já não vivemos nesse tempo? Tudo muda e os artistas têm que acompanhar o progressso,precisam de o fazer, e é nesses períodos que se vê a real capacidade dos verdadeiros artistas. Provavelmente se o álbum fosse inteiramente de Hip Hop Old School,com a sonoridade típica de “ West Coast”, diríamos “mais do mesmo…” ,”16 anos à espera para sair um álbum retrogrado”.

Alguém duvida que todos os artistas têm que inovar no seu trabalho para serem bem-sucedidos? Deixem-se da crítica fácil e mesquinha,evoluam,aprendam a ouvir coisas diferentes, se isto não é um álbum soberbo, poucos álbuns o serão.

Apesar de não ser fácil, destaco faixas como Genocide,It´s All on Me,Deep Water,One Shot One Kill e Medicine Man.

Será pedir muito que não abandones mais a música? Talvez possa parecer egoísta, fazer qualquer exigência a alguém que já nos deu tanto, por isso resta-me agradecer-lhe “Doutor”, com esta medicação, talvez aguente mais uns tempos. Para já fica o aviso, o Doutor sabe o que receita …

Hasta,

João Rodrigo


Classificação: 9/10
Álbum: Dr.Dre – “Compton: A Soundtrack by Dr.Dre”
Lançamento: 7 de Agosto de 2015

João Rodrigo

Deixar uma resposta