Snoop Dogg processado por grupo religioso depois de mais participação considerada “ridícula”.

snoop

No início do mês passado a cantora pop iraniana Amitis lançou um single que conta com a participação especial de Snoop Dogg. Agora passado pouco mais de um mês e de a Internet ter classificado como mais uma participação ridícula de Snoop Dogg, o rapper foi processado por um grupo religioso indiano.

Ao que tudo indica o motivo deste processo está nas imagens que mostram o rapper a fumar erva num trono com um símbolo considerado sagrado.

Uma acção judicial foi accionada em Calcutá a fim de proibir a transmissão do vídeo. “O uso incorreto de símbolos e imagens religiosas sagradas magoa como insultos e ofensas aos sentimentos religiosos e à nossas crença”, defendeu um representante do grupo.

Assiste ao vídeo no player em baixo:

Equipa

Deixar uma resposta